Como prevenir e tratar o tártaro

O tártaro, também conhecido por cálculo dentário, consiste no endurecimento da placa bacteriana na superfície dentária, mas também sobre aparelhos, próteses e implantes, podendo também afetar as gengivas e os tecidos gengivais.

Este processo acontece de uma forma progressiva e, para além de causar mau hálito pode também levar à perda de dentes e implantes.

Como se identifica o tártaro?


O tártaro pode ser identificado acima do nível da gengiva, onde normalmente apresenta uma coloração amarela ou acastanhada, no interior da gengiva, onde apresenta cor negra. Outro sinal de tártaro pode ser o sangramento gengival.


Como prevenir e tratar o tártaro

Como posso prevenir o aparecimento do tártaro?


Tal como no caso das cáries e outros problemas dentários, a melhor forma de prevenir o tártaro é fazer uma escovagem adequada durante aproximadamente 2 minutos e cerca de 2 a 3 vezes ao dia. Recomendamos também que utilize diariamente outros meios de remoção da placa bacteriana, tais como o fio dentário.

Existem vários produtos para bochechar que têm inibidores químicos da placa bacteriana atrasando o seu endurecimento e ajudando à sua remoção.

O aparecimento do tártaro depende também de outros factores, tais como a idade, dieta, toma de medicação, acesso a cuidados de saúde oral e também o tempo decorrido desde a última destartarização realizada em consultório.

Visitar regularmente um profissional de saúde oral é assim fundamental para prevenir esta condição, pois estes vão aconselhar-lhe qual será o melhor tratamento, que cuidados deve ter diariamente - e partilhar consigo técnicas de higiene oral que promovam a prevenção e redução do tártaro.

Como se trata o tártaro?


Para eliminar o tártaro nos dentes deve fazer-se uma destartarização, que deve ser realizada por um profissional de saúde oral - médico dentista ou higienista oral. Este tratamento é realizado com recurso a ultrassons e instrumentos manuais.

É desaconselhado recorrer a soluções caseiras que podem vir a provocar danos irreversíveis nos dentes, tais como o sumo de limão, vinagre de sidra, sal marinho, bicarbonato de sódio e carvão vegetal. Para além da sua capacidade abrasiva estas soluções podem também causar desequilíbrios no pH da cavidade oral e hipersensibilidade dentária.


Como prevenir e tratar o tártaro


A forma mais eficaz de eliminar o tártaro continua a ser recorrer a um profissional de saúde oral, que vai aconselhar o tipo de tratamento adequado à remoção desta placa bacteriana.

Na MALO CLINIC dispomos de uma experiente equipa de higienistas orais, integralmente aptos na identificação, eliminação e prevenção da formação do tártaro. As nossas consultas de Higiene Oral têm a duração de 1 hora e incluem exames da dentição e periodonto, destartarização, polimento com jato de bicarbonato de sódio e aplicação tópica de flúor, bem como radiografias intraorais e despiste de cancro oral.

Clique Aqui
 
para marcar a sua consulta MALO CLINIC.